O Centro Cultural de Viana do Castelo foi pequeno demais para receber Diogo Piçarra que se fez presente pela 1°vez no passado dia 25 de Novembro. Os cerca de 1500 bilhetes disponíveis esgotaram em apenas uma semana e o músico ficou surpreso com a notícia.

Numa plateia com lugares sentados, onde se encontravam fãs de várias faixas etárias, os ânimos estavam calmos e era visível a ansiedade de todos os que ali estavam para receber pela primeira vez Diogo Piçarra naquele espaço. O público não aguentou muito tempo sentado naquelas cadeiras. Durante a música Dois, logo no início do concerto, já eram visíveis diversas pessoas de pé a dançar ao som da mesma pois não aguentaram estar muito mais tempo sentados.
A medida que o Diogo ia cantando o seu reportório habitual, já conhecido de muitos que ali estavam, ia sendo cada vez mais difícil conter a emoção e a vontade de “curtir” o concerto de pé aproveitando para dançar e cantar. “O pessoal que pensou que iríamos estar sentados durante 1h 15 estava muito enganado né? Quando eu tiver 50 ou 60 anos aí vamos todos fazer um concerto sentados! “, disse o cantor.
Na música Verdadeiro, Diogo fez o habitual “crowd surfing” onde juntou ainda mais pessoas em frente do palco. A partir daqui começou a verdadeira festa e já poucas eram as pessoas que se encontravam sentadas. Na música Entre as estrelas , todos os que ali estavam, acompanharam o cantor com as luzes dos seus telemóveis formando um “mar de estrelas” em homenagem a todos os que já não estão presentes. Durante a música Wall of love , Diogo pediu que a sala se dividisse em duas “paredes”, formando um corredor vazio no meio, e que no refrão as duas “paredes” se abraçassem de forma a simbolizar o amor.
De relembrar que Diogo é um jovem promissor, vencedor de um programa de televisão onde poucos vingam. O seu segundo álbum DO=S é já um sucesso nacional e disco de ouro. Este ano a sua agenda profissional levou-o a Macau, Paris e Suíça e em solo Português deu mais de 60 concertos passando por salas emblemáticas como o coliseu do Porto e de Lisboa, prometendo não parar.
2017 foi dos melhores anos da sua vida e para comemorar, promete fazer a festa com concerto anunciado para a passagem de ano em Santarém.