GABINETE DE IMPRENSA

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Faux Tapes apresenta o seu álbum de estreia “Faux Tapes”

FAUX TAPES, é o nome do projecto do músico João Pedro Nogueira, que acaba de lançar o seu álbum de estreia.

É um projecto de estúdio que foi criado com a intenção de produzir e editar álbuns online e em edições limitadas em diferentes formatos, preferencialmente analógicos.

O álbum de estreia é o fruto de um longo caminho de mais de três anos. Nasce da vontade de expressar sentimentos e comunicar artisticamente com os outros através da música. Apresenta uma estética alternativa, dividida entre post-rock mais convencional, com temas estruturados, e temas ambientais, mais lineares, com texturas detalhadas, amplas e profundas.

No álbum os ambientes criados apresentam-se com timbres lo-fi com carácter intencionalmente nostálgico. A componente melódica acrescenta conteúdo emocional, enquanto a rítmica, quando presente, complementa a dinâmica dos temas e adiciona espessura. Uma grande variedade de instrumentos acústicos, electro-acústicos, eléctricos, electrónicos e virtuais foram utilizados. Esta variedade apresenta-se porém de forma coerente e complementar ao longo de todo o álbum. Procura-se em cada tema envolver o ouvinte e fazer com que este se sinta transportado.

Na escrita deste trabalho foi dado muito espaço a técnicas experimentais que enriqueceram os temas com uma sonoridade mais orgânica, em contraste com uma sonoridade tendencialmente mais técnica e quantizada da música electrónica em geral. A utilização de gravações de campo enriquecem as texturas e acrescentam o elemento natureza para enfatizar a profundidade e dramatismo dos temas.

É composto por 9 temas, numa duração total de 47 minutos, em que se procurou um alinhamento dinâmico com contrastes rítmicos e sonoros para captar o interesse do ouvinte ao longo de todo o álbum. Há temas com composição predominantemente post-rock a contrastar com temas mais ambientais, atmosféricos e introspectivos.

Antes do lançamento do álbum foi adiantado como single o tema Happy Accidents. É um tema com crescendos suaves e contrapontos pouco marcados, com harmonia que intencionalmente dispensa uma melodia que se destaque. É rico em textura e detalhes que pretendem envolver o ouvinte numa viagem para locais serenos.