NOTÍCIAS

Manuel Linhares termina 2019 a trabalhar com Meredith Monk em Nova Iorque

Manuel Linhares é assistente de Meredith Monk no seu workshop “Voice as Practice” em Nova Iorque.

Manuel Linhares começou 2019 com a edição do segundo álbum de originais, “Boundaries”, e a sua apresentação ao vivo, na sala Passos Manuel, no Porto. Em palco esteve acompanhado por Paulo Barros no piano, José Carlos Barbosa no contrabaixo e João Cunha na bateria.   Com “Boundaries”, Linhares atuou no Porta Jazz no Porto, na Festa do Jazz em Lisboa, no Jazz no Parque no Marco de Canaveses e ainda no Sons do Património em Oliveira de Azeméis.  

No entanto, Linhares não se dedica apenas ao jazz, e em junho de 2019 voltou a trazer a sua parceria com o brasileiro Pedro Iaco a Portugal. No formato duas vozes e violão de 7 cordas, os dois apresentaram-se no Porto (Mira Forum), Coimbra (festival Sons da Cidade) e Lisboa (Sofar Sounds).

Juntamente com os companheiros de longa data Sofia Ribeiro (cantora) e Rizmunik (beatboxer), Linhares fundou este ano o retiro vocal “VocalBeingRetreat” e, em duas edições, (maio e outubro), os três artistas nacionais facilitaram um fim de semana intenso, na Nazaré nas áreas da improvisação vocal e a performance. Experiência a repetir em formato alargado, já em 2020.

O verão de 2019 ficou também marcado pela participação de Manuel Linhares, enquanto vocalista, no projeto “Mar-Planície” criado pelo saxofonista e compositor Carlos Martins com letras de José Luís Peixoto e que junta o Cante Alentejano ao Jazz. “Mar-Planície” é uma encomenda do Artes à Rua e foi apresentado pela primeira vez no âmbito do festival na Praça do Giraldo em Évora. Em palco, e para além de Manuel Linhares e Carlos Martins, estiveram João Paulo Esteves da Silva no piano, Mário Delgado na guitarra, Carlos Barretto no contrabaixo e Alexandre Frazão na bateria. “Mar-Planície” contou ainda com Joana Guerra no violoncelo e José Conde nos clarinetes, bem como o Grupo Cantares de Évora.

Em agosto de 2019, Manuel Linhares foi ainda professor assistente do cantor norte-americano Bobby McFerrin no workshop anual que este dinamiza em Nova Iorque. “Circlesongs” reúne durante uma semana cantores de todos os cantos do globo e tem lugar no Omega Institute.

Novembro trouxe Linhares ao Cascais Jazz Club e ao espaço Lapo, em Lisboa. A par dos dois concertos intimistas, o cantor ainda fez um showcase no jornal o Público. Nesta mesma ocasião e, pela primeira vez em Lisboa, Manuel Linhares dinamizou o seu workshop “O Círculo da Voz”. Umas semanas antes, Linhares tinha levado “O Círculo da Voz” ao serviço educativo da Orquestra de Jazz de Matosinhos.  

O ano acaba com Linhares a ser assistente no workshop de Meredith Monk intitulado “Voice as Practice” e que reune durante um fim de semana em Garrison (NY) artistas de todo o mundo.

logo grid

Some of Our Clients

Siverra lectus mauris ultrices eros in. Eget egestas purus viverra accumsan in nisl nulla nisi scelerisque euvestibulum sed risus ultricies.

Bakken Inc

Marketing

Welle LTD

AD Agency

Aasen Co.

Design Firm

Manage Lty

Managment
NOVAiDS White-01