NIKI MOSS lança “STANDING IN THE DARK EP” a 15 de novembro de 2019, e apresenta-o a 22 de novembro de 2019 no SUPER BOCK EM STOCK

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Niki Moss regressa aos lançamentos com um novo conceito de reinterpretações de “Standing In The Dark”, canção que integra o seu primeiro álbum Gooey. O “Standing In The Dark EP” é um trabalho peculiar, que visa desconstruir o tema original em 5 capítulos, cada um espelhando algumas das suas características mais marcantes. Os 5 reworks do tema são concebidos para descobrir quão épico, psicadélico, eletrónico e sombrio este single se poderia tornar. É uma abordagem radical e ousada, um verdadeiro trabalho de amor, onde duas das cinco versões serão acompanhadas por telediscos para as ilustrar.

“Standing In The Dark III” é o primeiro avanço, e foca-se no gosto pelo LO-FI e pela gravação analógica, pelos “truques de estúdio”, pela modelação do áudio, e pelo vicio de retorcer instrumentos para criar texturas diferentes. O vídeo, realizado por Niki Moss e Diogo Vale, foi gravado em cassette, com baixa resolução e em plano de sequência. É totalmente DIY e, segundo Niki, “Foi muito divertido de fazer”. Inteiramente filmado no estúdio de Niki Moss, onde é retratado o ambiente das suas canções, é escuro e introspetivo, contando apenas com a companhia do seu leopardo de loiça.

Niki Revela-nos: “Eu quis dissecar os aspetos mais poderosos da música original e dividi-los em capítulos. A parte dois é focada nas tendências mais pop, com refrões orelhudos e um imaginário mais 80s. A terceira parte remete ao trabalho de estúdio, onde abusei muito do equipamento analógico e retorci os instrumentos originais para criar novas texturas. A parte IV é sobre as influências eletrónicas sempre presentes na minha música e a parte V é sobre as trevas que são o tema do EP”.

Niki Moss é o alter-ego de Miguel Vilhena, músico multi-instrumentista, fundador da editora pontiaq, vocalista da banda Savanna e produtor de inúmeras bandas portuguesas (Pista, Marvel Lima, Ditch Days, Flying Cages, George Marvinson…). A partir de agora, podemos também conhecer o seu trabalho individual, composto, produzido, gravado e misturado pela sua mão, num exercício solitário.

O bem-sucedido de “Gooey“, de maio de 2019, valeu-lhe uma constante rotação nas rádios, menções em publicações como Clash Magazine, Billboard, Indie Shuffle ou Mondo Sonoro e inúmeros concertos em Portugal e Espanha. Em vésperas do seu concerto no Super Bock em Stock, que irá acontecer no dia 22 de Novembro de 2019 na Sala 2 do Cinema São Jorge, este outono mostra-se a estação perfeita para solidificar o álbum com este novo lançamento.

Gooey e Standing In The Dark EP foram editados numa colaboração entre a pontiaq e a editora britânica Street Mission Records, com distribuição pela PIAS.

Pre-save de “Standing In The Dark EP” no Spotify, Apple Music e Deezer aqui: https://ffm.to/standinginthedarknikimoss

TOUR NIKI MOSS:

22 de Novembro/ Super Bock Em Stock 2019, Lisboa

28 de Novembro/ Wurlitzer Ballroom, Madrid

29 de Novembro/ Carpe Diem, Santo Tirso

30 de Novembro/ Porta 253, Braga

30 de Novembro/ Ferro, Porto

6 de Dezembro/ Rock With Benefits 2019, Fafe

7 de Dezembro/ Quina das Beatas Fest 2019, Portalegre

20 de Dezembro/ Oficina Os Infantes, Beja

21 de Dezembro/ SHE, Évora

NOVAiDS White-01