Loading...
DESTAQUESNOTÍCIAS

Prince: “Purple Rain” editada em duas versões

Prince

A 23 de junho será editada a obra-prima de Prince, “Purple Rain” – galardoada com um Óscar e dois Grammy e certificada disco de Diamante – em novos formatos: Deluxe e Deluxe – Expanded Edition.

Os dois CD de “Purple Rain Deluxe” incluem a remasterização feita em Paisley Park, em 2015, das gravações originais da banda sonora, apresentando uma versão inédita do álbum supervisionada por Prince. O disco “From The Vault & Previously Unreleased” oferece onze pérolas desenterradas das profundezas do arquivo de Prince. Além de “Electric Intercourse,” o alinhamento inclui raridades muito procuradas como “Our Destiny / Roadhouse Garden” (1984) e o instrumental “Father’s Song” (1983).

“From The Vault & Previously Unreleased”  inclui ainda seis temas nunca editados ou pirateados: “Possessed” – versão a solo inédita de Prince (1983); “Electric Intercourse”- versão de estúdio cuja existência era desconhecida até ser descoberta em Paisley; “Father’s Song” – versão ao vivo com mais de cinco minutos, até agora disponível apenas num excerto de minute e meio no filme; “We Can Fuck” – um tema nunca editado na versão completa de 10 minutos com esta letra; e “Katrina’s Paper Dolls” – um master acabado da canção que só circulou como demo. Todos os temas foram retirados da fonte e masterizados por Bernie Grundman, o engenheiro de som que trabalhou no álbum original.

Além de Purple Rain (2015 Paisley Park Remaster) e “From The Vault & Previously Unreleased”, a versão “Purple Rain Deluxe – Expanded Edition” inclui um terceiro CD, “Single Edits & B-Sides”, e o DVD do concerto “Prince And The Revolution Live at the Carrier Dome, Syracuse, NY, March 30, 1985”.  Com o áudio e o video restaurados a partir da gravação original, oferece um retrato exclusivo da emoção e da potência das lendárias atuações ao vivo de Prince durante uma das melhores fases da sua carreira.

O ADN de “Purple rain” sente-se em toda a cultura pop. É uma obra intemporal e a sua ressonância immortal é exemplificada por grandes sucessos como “Let’s Go Crazy,” “When Doves Cry,” “Darling Nikki,” “Purple Rain” e muitos outros. “Purple Rain”, lançado em 1984, foi um dos pontos marcantes da carreira de Prince e mudou o mundo do cinema e da música. Na primeira temporada, o musical, que teve um orçamento de 7,2 milhões de dólares, gerou mais de 220 milhões de dólares em receitas de bilheteira em todo o mundo, e recebeu o Óscar de “Melhor Banda Sonora Original.”

O álbum, com mais de 13 milhões de cópias vendidas, foi disco de Diamante e é a sexta banda sonora mais vendida da história, com mais de 22 milhões de cópias vendidas. A Vanity Fair chamou-lhe “melhor banda sonora de sempre” e a Time Magazine classificou-a de 15.º melhor álbum de sempre. O álbum ganhou dois Grammy em 1985, nas categorias de “Best Rock Vocal Performance by a Duo or Group with Vocal” e “Best Album of Original Score Written for a Motion Picture or Television Special,” e depois da morte de Prince foi galardoado, em 2016, com a distinção “Favorite Soundtrack” nos American Music Awards. Em 2017, foi nomeado para um Billboard Music Award na categoria de “Top Soundtrack/Cast Album.”