Yolanda Soares no Coliseu do Porto a 3 de Março. Concerto imperdível! - Imagem do Som
19928
post-template-default,single,single-post,postid-19928,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,footer_responsive_adv,qode-theme-ver-11.2,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.2.1,vc_responsive
 

Yolanda Soares no Coliseu do Porto a 3 de Março. Concerto imperdível!

o novo espectáculo da soprano/cantora crossover Yolanda Soares inspira-se na carreira de Amália, uma época de novas abordagens e sonoridades para o Fado

Em Royal Fado, a harpa, instrumento inesperado e surpreendente no fado, protagoniza diálogos com a guitarra portuguesa,  acompanhando a voz única e bela de Yolanda Soares. Com um requinte e qualidade inigualáveis em alguns dos temas mais românticos da vida de Amália como ”Com que voz”, “Amêndoa Amarga” , “Soledad”, “Lianor”, entre outros temas.
É uma homenagem a Amália e ao romantismo da sua época mais inovadora e virtuosa, onde os fados quase faziam lembrar óperas aos ouvidos dos guitarristas que acompanhavam Amália e que diziam ironicamente:  “Lá vai ela para as óperas”. São Fados que foram apelidados mais tarde como sendo as “óperas” de Amália.
Em Royal Fado, Yolanda Soares une mais uma vez a música erudita, o canto  lírico, o universo da  ópera ao Fado, obtendo um “Fado” misterioso, emotivo e elegante que contagia e envolve pela diferente abordagem musical que inclui ainda percussões místicas orientais, o cajon e o violino.

Convidados especiais Harpista da realeza de Inglaterra Claire Jones Direcção musical /arranjador do álbum Royal Fado, Chris Marshall Grupo coral Alma de Coimbra  Bailarino de Tribal Fusion Horus Mozarabe Bailarina de Flamenco Isabel Rodriguez Campeão mundial de Showdance Victor Da Silva Estrela mundial de danças latinas Anna Melikova Tenor Bruno Almeida