Isto, isto…é post-punk!

Os Ist Ist são realmente imparáveis e a sua energia contagia a audiência.

Os Ist Ist voltaram ao Porto, novamente incluídos na quarta edição do Festival Post Punk Strikes Back Again, após idêntica passagem em 2019. Então, apenas com o álbum de estreia, “Architecture”, quase a ser editado, o set limitou-se a uma dezena de canções. Desta vez, a oferta musical teve um aumento substancial, até porque, há dois anos, saiu o segundo trabalho, “The Art of Lying”.

Mas onde o quarteto de Manchester realmente mostra a sua força é ao vivo. Aliás, são poucas as bandas que ousam apresentar um registo live contando no curriculum apenas dois álbuns, mas os Ist Ist fizeram-no, com o “Live in Manchester”, no início deste ano. E muito bem.

O concerto começou com “Wolves”, curiosamente a primeira faixa de “Architecture”. Um início lento, para depois a banda arrancar em força, uma artimanha que repetiriam com a derradeira canção, “Slowly We Escape”. Seguiram-se “Stamp you out”, “Fat Cats Down in Milk” e “Watching You Watching Me”. As canções iam passando ao ritmo avassalador com que Joel Kay atingia a bateria, com o baixista Andy Keating a proporcionar a única interacção dos membros da banda com o público, embora se limitasse aos habituais agradecimentos. Seguiram-se, em rápida sucessão, “All Downhill”, “Discipline”, “Emily” e “The Waves” com a banda a não dar sinais de abrandar, sempre guiadas pelas incansáveis guitarras de Adam Houghton (também na voz) e de Mat Peters, que acumulava com o sintetizador. “Mary in the Black and White Room”, “Something Has to Give”, “Black” e “It Stops Where it Starts”, anteciparam os dois maiores êxitos, “Extreme Greed” e, principalmente, “You’re Mine”.

Um concerto intenso, duma banda ainda em crescimento, mas que se prefigura para se tornar uma referência no que ao revivalismo post-punk diz respeito. Ao vivo, são realmente imparáveis e a sua energia contagia a audiência, como se podia ver, no final, pelos sorrisos na cara de todos os que enchiam a sala 2 do Hard Club.

TEXTO: Pedro Brás Marques

FOTOS: Pedro Brás Marques

Menu

Bem-Vindo(a)!